Colunistas Ver todas as colunas
 
TURISMO
por M. R. Gomide
 

1234 acessos.

..................................................................................................................................................................
UCRÂNIA HOJE – DIAGNÓSTICO À DISTÂNCIA

      Em 1941 aos 14 anos de idade, fui ver o filme "Carga da Brigada Ligeira" com Errol Flynn e Olívia de Havilland, produção épica da Warner Bros.
     O filme conta a história da Guerra da Crimeia durante a batalha de Balaclava, uma carnificina em preto e branco na tela do Cine Brasil. O enredo se passa em 1854 - 1856 e narra o choque bélico entre o Império Russo contra a coligação anglo-franco-otomana dizimada pelos russos.
     Agora em 2014, 160 anos depois daquela primeira guerra, a Rússia invade - outra vez - a Crimeia, hoje província autônoma da Ucrânia. Os fatos se repetem, diz o ditado.
     Atualmente república livre da antiga União Soviética, a Ucrânia demitiu seu presidente Viktor Yanukovich pró Rússia. Estabeleceu um novo governo, solicitou e lhe foi deferido o pedido para integrar-se à União Européia, passando a sua moeda a ser o Euro. A Rússia não gostou.
     Na verdade, a Crimeia é um antigo quisto russo no Mar Negro, tendo estreita fronteira terrestre com a Ucrânia.
Tolice dos ucranianos, insistir em manter a Crimeia na condição de sua província autônoma. A Ucrânia acaba de obter duas memoráveis vitórias: um novo e legítimo governo e a sua inclusão na UE – União Européia.
     Portanto, de acordo com a matemática dos fatos, a Ucrânia deveria retirar seus conterrâneos da Crimeia e entregar a província à Rússia. O presidente Putin já disse que aceita a anexação.
     Do contrário, vamos ter uma nova guerra com reflexos mundiais, enormes prejuízos para a Ucrânia e a perda de seu sonho: integrar-se à União Européia. Aliás, é isso que a Rússia deseja. A Crimeia volta a ser o bode expiatório...

  
publicado em 21/03/2014
M.R.Gomide – jornalista
mrgomide@yahoo.com.br
Comentários:

Assede Paiva - Volta Redonda - 09/06/2014
Gomide! Parabéns pelo texto claro conciso, preciso. Concordo plenamente com você.
  
    Comente!
 
 topo
© direitos reservados desde 2008 -  benficanet.com - contato@benficanet.com